Dicas

Obesidade Infantil: um alerta importante para o aumento de casos

A obesidade infantil é caracterizada como um distúrbio que envolve o acúmulo de gordura corporal e que pode provocar uma série de problemas de saúde, inclusive levar à morte. Embora reconhecida como uma condição grave, o número de casos de obesidade infantil só aumenta no Brasil e no mundo, o que preocupa as autoridades públicas.

Para ficar por dentro desta temática, elaboramos este conteúdo. Aqui, você saberá melhor o que é e conhecerá a realidade da obesidade infantil no Brasil, bem como o que fazer para combatê-la. Confira!

O que é?

A Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) define a obesidade como uma doença crônica e progressiva e que assume um caráter epidêmico no mundo. Especificamente, essa instituição caracteriza a obesidade como o excesso de gordura em quantidade que determina prejuízos à saúde.

Nesse sentido, cabe destacar que a Organização Mundial da Saúde (OMS) evidencia que uma pessoa é obesa quando apresenta o IMC maior ou igual a 30 kg/m² e uma faixa de peso que varia entre 25 e 29,9 kg/m². A mesma lógica serve para crianças. A criança que apresenta um peso anormal para sua idade pode ser diagnosticada com sobrepeso e sofrer prejuízos em sua saúde.

Realidade da obesidade infantil no Brasil

Como destacado, a obesidade infantil é um problema sério, considerando o aumento do número de casos. A título de informação, em 2019, uma em cada quatro pessoas de 18 anos ou mais, no Brasil, estava obesa, o que equivale a 41 milhões de pessoas. Desse total, 19,4% eram adolescentes de 15 e 17 anos.

Nesse sentido, vale dizer que a Fiocruz destaca que cerca de 15% das crianças e 8% dos adolescentes continuam obesos na fase adulta, o que aumenta os riscos com relação ao surgimento de doenças graves, como hipertensão e AVC, por exemplo.

Impactos da obesidade infantil na vida das crianças

A obesidade infantil pode impactar significativamente a vida da criança, fazendo surgir problemas de saúde como:

O ideal, assim, é investir em uma dieta equilibrada, que possa ajudar a criança a combater essa condição.

Dieta equilibrada e exercícios podem combater a obesidade infantil

Para que a criança tenha um desenvolvimento saudável, evitando assim a obesidade, é preciso que ela mude seu estilo de vida, adotando, por exemplo, uma série de hábitos, como:

O acompanhamento e incentivo dos pais, cuidadores ou responsáveis é muito importante para que a mudança e a busca por melhor qualidade de vida na infância, aconteça.

Uma dica muito boa é que a criança também pode consumir Cogumelo do Sol®, para alcançar uma dieta saudável e equilibrada. O Cogumelo é um complemento alimentar sem qualquer contra-indicação que age no organismo e vai dar mais energia e disposição para a criança fortalecer seu sistema imunológico. Com ele será ainda mais fácil ter ânimo para praticar exercícios físicos.

E se quer cuidar da família toda, leia também Saúde e bem-estar: jovens também precisam de cuidados!”

Viva bem. Viva com Saúde. Fontes: Ministério da Saúde e Fiocruz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *